Revista 129 nas online Revista Magnum 131 online RM - Facebook Revista Magnum 130 online Especial 61 ONLINE Todas edições-apresentação-demo RM Ed 134 bancas Assine Magnum

É com prazer que apresentamos a revista MAGNUM!

MAGNUM é uma Revista dedicada ao universo das Armas de Fogo. Aborda Colecionismo, Tiro Esportivo, Munições, Recarga, Balística e Legislação pertinente ao assunto. Além de abordar Arqueiria, Caça, Cutelaria, promover entrevistas com pessoas ligadas a cada um desses setores e cobrir lançamentos de novos produtos - no Brasil e no mundo -, buscando estimular seus Leitores ao trânsito saudável, consciente e responsável através desses temas.

Confira abaixo 5 Edições Completas para Assinantes MAGNUM

Edição Especial - Ed. 23 - Regulamento para fiscalização de produtos controlados

blog post image

Editorial

Introdução O novo Regulamento para Fiscalização de Produtos Controlados (R-105), ora aprovado pelo Decreto Nº 2.998,de 23 de março de 1999, destina-se a todas as pessoas físicas e jurídicas que trabalham com produtos controlados pelo Ministério do Exército. São eles produtos químicos, armas, munições, blindagens diversas, carros ou veículos blindados, e as Polícias Militares, Polícias Civis dos Estados, Polícia Federal entre outros. Cabe salientar que não são todos os produtos químicos que são controlados pelo Ministério do Exército, apenas aquelas agressivos a saúde humano, animal e vegetal e que usados indiscriminada e irresponsavelmente podem causar enormes danos a grupos de pessoas, animais ou vegetação.

Edição Completa
Edição Completa
Assine a Revista Magnum On-Line

Edição 55 - Ano 10 - Novembro/Dezembro 1997

blog post image

Editorial

Efeito antiarma

Como no livro “1984” de George Orwell, o “grande irmão” dos anos 90 determinou que a nova geração não deve apreciar armas de fogo ou fumar.

Assim, a imprensa mundial diligentemente tratou de cumprir a determinação da chefia máxima e os jornalistas e outros profissionais de comunicação estão tentando implementar no jovem moderno as idéias de que ter ou portar uma arma de fogo bem como fumar, não é, digamos assim, “politicamente correto”.

Dentro dos modernos tempos “ecológicos” e de “extremo culto à saúde” isso até poderia ser entendido como algo salutar. Entretanto, a coisa toda não é tão simples e rósea.

Edição Completa
Edição Completa
Assine a Revista Magnum On-Line

Edição 57 - Ano 10 - Março/Abril 1998

blog post image

Editorial

Duas verdades e uma certeza

O dito popular “ano-novo vida nova” não pode ser encarado como verdadeiro no segmento brasileiro de armas e munições.

Não obstante, a nova legislação brasileira de controle das armas de fogo pretensamente deve ter sido feita para atingir todos os segmentos da população, porém verifica-se que ela apenas restringiu e/ou retirou direitos de cidadão honestos. Para comprovação disso basta sabermos que o número de homicídios na Grande São Paulo, n último carnaval, aumentou mais de 30% em relação a igual período do ano anterior.

Edição Completa
Edição Completa
Assine a Revista Magnum On-Line

Edição 77 - Ano 13 - Fevereiro/Março 2002

blog post image

Editorial

Editoriais costumam ter um título e discorrem sobre de ter mi na do assunto ou múltiplos assuntos, relacionados ou não entre si, se o título assim o sugerir.

Porém, em função das últimas e funestas ocorrências em nosso país, há tantos assuntos importantes que é mui to difícil elaborar um editorial com somente um título e, se fosse realmente necessário colocar apenas um aqui, ele tal vez fosse um tropicalista “Geléia Geral”, ou ainda um carnavalesco “Samba do Crioulo Doido”, ambos títulos de músicas genuinamente nacionais e de grande sucesso.

Continua...

Edição Completa
Edição Completa
Assine a Revista Magnum On-Line

Edição 62 - Ano 11 - Janeiro/Fevereiro 1999

blog post image

Editorial

Artimanha ou pureza?

No final de 1998 a lei brasileira que transformou o porte ilegal de armas em crime completou 1 ano de existência sem nenhum resultado palpável para a sociedade nacional.

São Paulo, a maior metrópole do país, onde o governador reeleito Mario Covas, há 4 anos professa a ideologia dos antiarmas, assistiu, estarrecida, neste período, a duplicação do número de chacinas, e também a duplicação do número de mortos nessas ocorrências, a absoluta maioria das quais praticadas com armas de fogo.

A nosso ver, claro e demonstrado está que o controle das armas de fogo em mãos de cidadãos honestos nada auxiliou no chamado “controle da sociedade brasileira”

Edição Completa
Edição Completa
Assine a Revista Magnum On-Line